Em defesa do SUS




Organização das ações na atenção primária à saúde no contexto da COVID-19

Organização das ações na atenção primária à saúde no contexto da COVID-19

O COSEMS/SP, em parceria com a Scretaria de Estado da Saúde de São Paulo (SES-SP), publicou o documento Organização das ações na Atenção Primária à Saúde (APS) no contexto da COVID-19. O objetivo deste documento é orientar a organização das ações nas unidades de APS, com vistas ao enfrentamento das demandas atuais que se apresentam sobre a rede assistencial do Sistema Único de Saúde (SUS) na atual fase da epidemia pela COVID-19 no Brasil e particularmente no estado de São Paulo.

No atendimento às demandas agudas, é preciso considerar não só os casos de síndrome gripal suspeitos de COVID-19, mas as demais demandas agudas que chegam às UBS, e que precisam ser igualmente bem conduzidas.

É necessário, ainda, considerar e equacionar satisfatoriamente o atendimento das demandas “crônicas” longitudinais, onde se destacam o prénatal, o atendimento aos hipertensos e diabéticos, a puericultura, a vacinação de rotina, o atendimento em saúde bucal, entre outras.

Estas orientações foram formuladas utilizando como referência geral as publicações e fontes citadas nas referências bibliográficas, com ênfase na organização das ações nas unidades de APS, adaptada para a presente situação no Estado de São Paulo.

Acesse o documento completo – organizacao_das_acoes_na_aps_junho_2020

Categorias

Arquivos

Notícias do site antigo

ACESSE TODAS AS NOTÍCIAS

Tags

Eventos

ACESSE A AGENDA COMPLETA